Compartilhe essa Notícia:

Josimar, Weverton e a ex-governadora Roseana Sarney estão na lista dos que são bombardeados com matérias patrocinadas.


Desde que o governador Flávio Dino (PSB) anunciou que não tem candidato e determinou parâmetros para a escolha do nome que terá apoio do seu grupo, previsto para ser revelado em novembro, uma estranha movimentação nos bastidores da política tem criado reboliço no setor da comunicação.

De acordo com a cotação de mercado no setor da imprensa, o ex-secretário de Comunicação Sérgio Macedo, que teve seu nome envolvido em escândalo revelado pela PGE envolvendo desvio desvio de dinheiro público e pedido de devolução de R$ 30 milhões, seria o nome apontado como responsável por captar e coordenar patrocínio de cerca de R$ 50 mil reais por mês para emplacar matérias negativas contra os principais pré-candidatos ao governo do Estado, entre eles, Josimar, Weverton Rocha e até mesmo a ex-governadora Roseana Sarney, na qual Macedo foi secretário de Estado.

Os ataques tem explicação. Dentre os critérios para escolha do nome, estão os de pesquisa qualitativa e quantitativa, motivo pelo qual as publicações negativas tem direção certa, os principais adversários de Brandão.

Estranha coincidência

Basta ver a relação de veículos de imprensa que disparam releases negativos contra Josimar, Weverton e Roseana, para notar que esses mesmos veículos publicam releases positivos do vice-governador Carlos Brandão (PSDB), que tem enfrentado dificuldades para conseguir adesão ao seu difícil projeto.

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA