Compartilhe essa Notícia:


Mesmo de férias, governador mandou recado aos seus principais aliados afirmando que a disputa na entidade municipalista é uma questão interna corporis e que eventual participação de auxiliares é pessoal, não institucional.

Flávio Dino orientou Márcio Jerry a tranquilizar prefeitos maranhenses: todos são livres para votar em quem quiser na Famem.

O governador Flávio Dino (PCdoB) mandou neste fim de semana um duro recado aos aliados do vice-governador Carlos Brandão (Republicanos) que tentam influenciar na eleição da Federação dos Municípios (Famem). 

– Não haverá qualquer tipo de retaliação do meu governo a prefeitos que optarem por A ou por B – disse Dino, em um grupo de whatsapp em que estão alguns dos principais auxiliares, além do próprio Brandão.

Candidato a presidente da entidade, o prefeito de Caxias, Fábio Gentil (PRB) vincula sua campanha a Carlos Brandão, que está no exercício do governo e usa a estrutura do Palácio dos Leões para tentar cooptar prefeitos.

Na semana passada, a iminente derrota de Gentil – a terceira de Brandão em menos de dois meses – levou o grupo do vice-governador a fazer ameaças a prefeitos, posicionamento que chegou aos ouvidos de Dino; por isso a mensagem no Whatsapp.

A reeleição na Famem acontece quinta-feira, 14, e o atual presidente Erlânio Xavier (PDT) leva vantagem, com apoio da maioria dos cerca de 180 prefeitos que devem votar.

Flávio Dino reassume o governo no dia seguinte, já tranquilizando os prefeitos…

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA