Compartilhe essa Notícia:

 

A polêmica da casa de apoio de Pedreiras em São Luís está cada vez mais eletrizante graças a troca de farpas entre o ex-prefeito de Trizidela do Vale, Fred Maia, e o advogado Alexandre Assaiante.

Nos últimos dias, Assaiante tem feito duras críticas a prefeita Vanessa Maia (SD) por alugar uma nova casa de apoio para receber pacientes de Pedreiras. Ocorre que na gestão passada, o município manteve parceria com a Casa de Apoio, que leva o nome da saudosa mãe do advogado: Casa de Apoio Lorinha Assaiante.

Assaiante classifica o ato como perseguição política em decorrência dele ter sido candidato a prefeito adversário de Vanessa Maia nas eleições de novembro passado. O advogado questiona que não precisa instalar uma nova casa de apoio, já que a Casa Lourinha Assaiante está equipada e funcionando. Ele afirma também que o espaço escolhido pela prefeita é uma pensão e não uma casa de apoio apropriada para receber pacientes, inclusive em tratamento de câncer.

Nesse sentido, o advogado fez uma enquete ontem para consultar a população de Pedreiras sobre a questão e até o momento, os participantes estão do lado da Casa de Apoio Lourinha Assaiante.

 


Já Fred Maia argumentou que a nova casa de apoio fica no centro da capital, próxima ao hospital Dutra e que os funcionários estão aptos para receber e cuidar bem dos pacientes pedreirenses. Em resposta a Assaiante, Fred Maia disse em uma participação em programa de rádio local, que casa de apoio não precisa ter nome, como no caso Lorinha Asssaiante, e que se o advogado Assaiante almeja continuar fazendo um trabalho social, que procure outros parceiros.

Já Assaiante disse que levará o caso à Justiça e, se isso acontecer e ele obter êxito, o município de Pedreiras voltará a usar a Casa de Apoio Lorinha Assaiante.

Vamos aguardar o desenrolar desses acontecimentos.

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA