Compartilhe essa Notícia:

O governo do Maranhão informou que "é mentirosa qualquer versão de que foi negada segurança ao Presidente". 


Em entrevista à CNN Brasil, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que foi cancelada sua vinda ao município de Balsas (MA), que estava prevista para a próxima semana. 

Bolsonaro disse que o governo do Estado não permitiu que a Polícia Militar do Maranhão (PMMA) fizesse a segurança dele no evento que participaria no município. "Infelizmente, o governador do Estado, Flávio Dino, resolveu não ceder a PM para fazer a segurança mais aberta minha", afirmou o presidente. Veja o vídeo: 


Em resposta, o governador Flávio Dino fez uma publicação em rede social classificando como "mentira" que ele teria negado segurança da PM ao presidente.
 

O governo do Maranhão também publicou uma nota em seu site. Veja: 

"A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão informa que é mentirosa qualquer versão de que foi negada segurança ao Presidente da República pela pasta da Segurança Pública, em suposta visita à cidade de Balsas"

O Presidente visitaria o Maranhão nos dias 29 e 30 de outubro. Esta seria a primeira vez que Bolsonaro viria ao estado após assumir a Presidência da República. Em 2018, ainda no período da pré-campanha, ele esteve em São Luís.

Fonte: Imirante
⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA