Compartilhe essa Notícia:

Prefeito de Paulo Ramos pode ser afastado a qualquer momento do cargo caso  não cumpra a decisão do juiz Marcelo de Santana Farias
Em Paulo Ramos a situação fica cada vez mais complicada para a população por conta das promessas mal cumpridas do Prefeito Deusimar Serra Silva. Dessa vez, o gestor saiu espalhando aos quatro cantos da cidade que não vai colocar asfalto no Povoado Centro dos Leite (Rua do Cachorro Sentado), porque um Vereador da oposição "não deixa". Isso mesmo!

Na verdade o Prefeito Deusimar, ainda no começo deste ano de 2020, já durante situação de calamidade crescente na cidade, achou por bem prometer o asfalto naquele Povoado, como forma de amenizar as críticas a seu Governo. 


A proposta dele era, desde o início, uma proposição mal concebida e irresponsável até, já que a cidade de Paulo Ramos, desde o segundo semestre de 2019, está à espera de um serviço de asfaltamento, com alargamento da Rua Elói Silva. Até agora, só houve a terraplanagem enquanto o asfalto mesmo, de verdade, nunca veio.

Só para lembrar: o contrato, entre a empresa TOP e o Município, com duração de um ano de vigência, findou-se em julho passado, com valor de R$ 2,6 milhões.

Algumas ruas que tiveram asfalto, na cidade, receberam o apelido, sugestivo, de “asfalto meia-banda”, pois o Prefeito entendeu de colocar o produto (em 2019) apenas em um dos lados – alguns dizem que essa foi a capciosa tática para o Gestor colocar asfalto em mais lugares. Mas, repita-se, apenas em um lado de cada rua.  

Com esse quadro, ou seja, em falta e em plena desorganização, fica difícil (ou mesmo quase impossível) o Prefeito Deusimar Serra arrumar jeito e meios para colocar asfalto numa rua da zona rural. À medida que se aproxima o fim do mandato, o citado Gestor fica mais ‘criativo’. Muita gente já não liga mais para isso.

Fonte: Alex Barroso

⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA