Compartilhe essa Notícia:

 Já é a segunda vez que a localidade, popularmente conhecida como ''Rua da Corrente'', é bloqueada por manifestantes que protestam contra a precariedade da via.



Mais uma vez os moradores do Bairro do Diogo e Parque Henrique fecharam a MA-381, popularmente conhecida como Rua da Corrente, criando barreiras com pedras, pneus e pedaços de madeira com fogo. O objetivo é chamar atenção para exigir que a via seja asfaltada imediatamente.

Já é a segunda vez que os moradores interditam a rua para protestar por condições melhores, nessa ocasião, os moradores se revoltaram por receberem uma resposta da prefeitura de que a situação não poderia ser resolvida logo, uma vez que se trata de uma MA e não é responsabilidade do município cuidar da mesma.

Por ser coberta por piçarra, a poeira levantada pelos veículos que passam no trecho constante afeta a saúde de muitas pessoas, além de aumentar a sujeira nos lares e desgastar veículos.

Dessa vez, os manifestantes também bloquearam as ruas adjacentes para impedir que os motoristas fizessem qualquer desvio, ou seja, a passagem sentido à Joselândia ficou completamente bloqueada. A manifestação ficou programada para acabar entre as 8h40, com as barreiras sendo retiradas aos poucos pelos próprios manifestantes. Alguns resistiram em encerrar o protesto logo após a chegada da PM, pois exigem um posicionamento concreto para solucionar as condições da rua.

Veja as imagens:







⬇️⬇️ COMENTE AQUI ⬇️⬇️

0 Comentários

Informe da ALEMA